[Tradução PT-BR] Privateer Insider – 21/Janeiro/2015

Tradução da matéria disponível em(Translation of the article at): Insider 1-21-2015

Os créditos são todos dos autores do texto acima linkado. (All rights to the authors of the text, linked above).


Por Chales Agel

CharlesAgel2

A Journeyman League de Warmachine/Hordes’ é uma liga de progressão lenta oficial da Privateer Press, feita para encorajar novos jogadores à aprenderem o jogo e começarem com a Battlebox da sua facção escolhida. A Journeyman League recompensa o jogador tanto por seus feitos no jogo quanto por suas habilidades de pintura.

journeyman2014

Para alguém novo no hobby, o objetivo é simplesmente aprender as regras. A Journeyman League quebra os conceitos do Warmachine e Hordes em pequenas partes, fáceis de serem assimiladas. Então, aqui ficam algumas recomendações pra aproveitar o máximo possível da Liga.

2

Primeiramente, jogue pelo menos 10 jogos somente com sua Battlebox; afinal isso não é uma corrida pra ver quem é a pessoa à pintar primeiro 800 pontos de miniaturas. Acostume-se com as mecânicas de Focus e Fury pois elas são essenciais para uma experiência proveitosa, e faça uma ‘cola’ de regras importantes. Por exemplo, quando estiver jogando de Protectorate, uma vez que você tiver adicionado o Choir of Menoth, a ordem de ativação das peças se torna muito importante. Lembrar que o focus expira antes de você rolar o dado para verificar efeitos contínuos pode fazer a diferença entre a vida e a morte do seu warcaster. Por último, quando estiver aprendendo sobre um novo modelo (tipo uma Unit, ou um solo), considere levar uma opção mais forte. As Two-Player Battlebox são perfeitas pra isso. Ambas vêm com infantarias médias, oque impede de você ser pisoteado e como elas tem caixas de vida, aumentam sua chance de sobrevivência. E somente com 5 modelos pra você ficar de olho, garantir que eles se mantenham em formação com o líder não vai ser tão difícil. Mas se lembre, um novo jogador progride APRENDENDO AS REGRAS, e não ganhando jogos.

3

Agora vamos falar do principal desta série do Insiders: meu exército para o Journeyman! Eu recentemente me inscrevi para pintar um Archangel e uma unidade de Strider Rangers para o Project Orange Crush, e essa experiência realmente me empolgou em pintar os modelos da Legion of Everblight. Com o desejo de pintar mais e mais crias de dragão, eu soube que a Legion seria meu exército. Eu só precisava descobrir qual battlegroup eu usaria.

4

O battlegroup comum do Legion of Everblight é totalmente incrível! Lylyth – Herald of Everblight é uma warlock prazerosa de se jogar, e o Carnivean tem uma das minhas habilidades favoritas, Assault, que te permite à fazer um charge e Cuspir Fogo ao mesmo tempo. Mas a melhor parte do battlegroup são os Shredders. Esses carinhas são um dos meus modelos favoritos no jogo, e a habilidade deles de curar dano comendo outros modelos sempre é muito divertido. Eu sabia que eu me divertiria muito jogando com esse battlegroup, mas eu também entendo que muitos novos jogadores partilhariam dessa visão, então eu não gostaria de saturar a liga com exércitos idênticos.

thagrosh

A opção número 2 é o battlegroup alternativo formado pelo ‘Thragrosh, Prophet of Everblight’, um Ravagore, um Nephilim Soldier, e um Harrier. Thragrosh é um warlock brutal, capaz de destruir um warjack sozinho, e sua habilidade de reviver uma beast durante seu feat é assustadora! O Ravagore é um dos warbeasts mais temidos da facção, e deveria mesmo – quem gostaria de enfrentar uma cria de dragão que cospe fogo? O Nephilim Soldier tem a habilidade de aplicar pressão no seu oponente de formas inesperadas devido à ele voar e ter ‘reach’. Ele vai aonde quer, e tem muito pouco que o oponente possa fazer para impedi-lo. Harriers tem um animus excelente, que permite que seus ataque corpo-a-corpo acertem automaticamente. Use-o no Thagrosh, e até mesmo os mais fortes oponentes não vão ser capazes de escapar de sua fúria.

Este battlegroup quase me conquistou, mas ele não tinha bestas gigantes o suficiente pro meu gosto. Pra mim, Warmachine e Hordes é sobre monstros gigantes e máquinas, se degladiando no campo de batalha. Então, eu gostaria de jogar com o maior número possível de grandes bestas que um exército suportasse.

Isso me deixou com a opção número três, a nova adição ao pacote Journeyman: ‘Vayl, Disciple of Everblight’ com um Scythean e um Neraph. Esse exército realmente supriria minha vontade. Vayl é ótimo warlock de utildiade, e sua habilidade de castar spells através dos modelos devido ao Oraculus, combinado com sua habilidade de transferir para uma besta inimiga, torna ela super prazeirosa de jogar. Chiller ajuda contra inimigos com alta DEF; nenhum oponente estará a salvo quando isso vier junto com Incite. Leash é ótimo para shenanigans de movimento extra já que ele ajuda aumentar a distância de ameaça do seu exército, mas Rampage é provavelmente minha spell favorita na lista de Vayl. Numa primeira olhada ela parece bastante simples: você assume controle da warbeast do seu oponente e avança e ataca com ela. Mas a habilidade de fazer um avanço com o alvo significa que aqueles warlocks que gostam de se esconder atrás de suas warbeasts estarão em maus lençóis. Isso significa que você pode assumir o controle da warbeast e movê-la pra fora da área de controle do warlock inimigo – negando assim a possibilidade do inimigo puxar pontos de fúria ou de transferir damage, potencialmente levando à uma situação de fim de jogo. Adicionalmente, a habilidade pode ser usada para avançar a warbeast para frente das suas linhas, te dando assim a vantagem do ataque pelas costas, ou simplesmente tirar a warbeast do caminho para que você tenha a possibilidade de fazer um assassinato no inimigo.

Agora vamos em frente e chamar o grandalhão pra sala: o Scythean não gospe fogo. Isso foi difícil pra mim aceitar, mas não sobrestime essa incrível warbeast! Com uma velocidade de movimento acima da média e Reach em suas armas corpo-a-corpo, ele tem uma distância de ameaça impressionante. O alto P+S de suas Scythes combinado com sua fúria (4) permite que ele destrua qualquer oponente que ele encontre, se ele acertar o ataque – oque a magia da Vayl pode garantir. O Scythean é capaz de destruir tropas de infantaria ou até mesmo destruir inimigos com fortes armaduras. Chain Attack: Bloodbath – permite que você faça um ataque corpo-a-corpo contra todo modelo que estiver em seu alcance. É importante lembrar de fazer seus ataques iniciais contra algo que você não vai matar imediatamente, tipo uma grande warbeast, porque se seu alvo morrer no primeiro ataque, ele não vai te garantir o Bloodbath.

O Nerapth é uma das mais novas warbeasts na Legion of Everblight, e ela traz alguns bons truques. Ela é uma grande warbeast, mas seu papel é muito diferente das outras. Ela é melhor usada para matar pequenas warbeasts, unidades solos, e até mesmo warcasters. A habilidade de vôo permite manter pressão nos movimentos de seu inimigo, afinal eles não vão querer que seus solos de suporte acabem seu movimento dentro da distância de ameaça desse dragão. Ele também tem um ótimo animus que te permite puxar oponentes na direção dele. Isso tem uma infinidade de usos, desde abrir brechas para um assassinato até mesmo à puxar o warcaster e uma segunda linha de suporte até corpo-a-corpo.

Em meu próximo artigo, eu vou ter esse battlegroup pintado, e vou dizer como planejo expandir meu exército para a Semana 2, com 15 pontos. Se cuidem.


Journeymanheader_zps111262fb

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s